RESP não precisa ser ratificado se os EDs não alterarem o resultado anterior

A Corte Especial do STJ editou a Súmula nº 579 afirmando não ser necessário ratificar o recurso especial interposto na pendência do julgamento dos embargos de declaração, quando inalterado o resultado anterior. Em seguida, cancelou a Súmula nº 418, a qual estabelecia ser inadmissível o recurso especial interposto antes da publicação do acórdão dos embargos de declaração, sem posterior ratificação.



NOTÍCIAS EM DESTAQUE

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

TEMAS